fernanda (alequinhos) wrote,
fernanda
alequinhos

vem cá, chega mais perto pra entender

No caso de alguém estar se perguntando, sim, este nome bizarro tem uma origem: apenas uma pequena história.

Era uma vez uma criança que tinha uma amigo imaginário. Mas não da forma convencional, como muitas crianças têm ao passar por esta fase: ela tinha vários amigos imaginários. Era todo um vilarejo de amiguinhos e ficava localizado embaixo de sua cama. Eles moravam em casas quase medievais, embora, naquela época, ela ainda não soubesse muito bem o que era isso. Provavelmente havia visto algum desenho ou filme que trouxesse tal cenário e achou que seria apropriado para sua pequena vila subcama. E esse vilarejo era nomeado em homenagem ao primeiro amigo imaginário, que deu origem a todo esse novo mundo: Alequinho.

A vila dos Alequinhos, onde todos os habitantes possuíam nomes como Alex, Alexandre, Alexis e derivados, passava diariamente por problemas e tinha que lutar contra o gigante conhecido como "A cama da Flávia", porque a cama da criança tratava-se de um bicama que ela dividia com a irmã mais nova. Então, dia após dia, na hora em que o quarto era arrumado e o gigante empurrado em sua direção, o vilarejo se unia para manter o povoado a salvo.

Os alequinhos não viveram longamente, porque logo a criança cresceu o suficiente para deixá-los para trás; mas, enquanto duraram, eles foram felizes. E um tempo depois ela, agora não mais tão criança assim, conseguiu achar um lugar melhor para colocar todos os alequinhos que quisesse.

E assim a criança começou a escrever.


Tags: alequinhos: a origem
Subscribe

  • feliz dia do homem?

    Ontem eu descobri que existe o dia do homem. Minha primeira reação? Ah, os dias para celebrar quem nunca sofreu preconceitos.…

  • aquele da importação dos médicos

    Nas últimas semanas eu já discuti sobre esse assunto uma dúzia de vezes - o que foi ótimo, porque eu fui juntando uma…

  • the one with God

    Eu não sei se eu acredito em Deus. Acho que eu gosto de pensar que sim, porque é reconfortante. Gosto de pensar que minha mãe…

  • Post a new comment

    Error

    Anonymous comments are disabled in this journal

    default userpic

    Your IP address will be recorded 

  • 2 comments