fernanda (alequinhos) wrote,
fernanda
alequinhos

the one with God

Eu não sei se eu acredito em Deus. Acho que eu gosto de pensar que sim, porque é reconfortante. Gosto de pensar que minha mãe está em um lugar melhor, como minha vó dizia quando eu era pequena. Que tem alguém cuidando de toda essa loucura. Então eu não penso a respeito e deixo por isso mesmo, fico com meu agnosticismo quem-sabe-teísta.

Mas não é sobre isso que eu quero falar. Outro dia eu compartilhei esse post no meu Facebook e meio que acabou na única coisa no mundo que eu detesto me envolver: debate religioso. Não me entenda mal, eu adoro discutir. Se tem alguma coisa que eu gosto em Direito, é exatamente isso. Mas não nesse assunto, porque, conforme a própria definição do agnosticismo, eu acho que "a razão humana é incapaz de proporcionar fundamentos racionais suficientes para justificar o conhecimento da existência ou não de Deus" (se tá na Wikipédia, deve ser verdade). E sem fundamentos racionais, não há argumentação. Mas tá ok, porque, afinal, fé não tem nada a ver com fundamentos racionais.

O meu ponto, e o que eu pretendia ao compartilhar o dito post (que é excelente, por sinal), é que eu não acho que isso realmente importe. Pra mim religião tem a ver com você estar bem com o que você acredita, com a sua espiritualidade, e eu não acho que isso torne incompatível a convivência entre pessoas de diferentes crenças. Eu sou agnóstica e dois dos meus melhores amigos são católicos, outra é evangélica, outra é ateia. Meu pai não é religioso, a esposa dele é crente, e eles estão muito bem com isso, obrigada. Desde que haja respeito, e ninguém tente diminuir ninguém por causa de suas crenças ou descrenças, não há porque não haver harmônia. Você pode acreditar que a visão da sua religião é a certa, mas há por que desrespeitar a visão dos outros? A verdade é que ninguém nunca vai ganhar essa discussão.

Ter fé é louvável, e a verdade é que eu provavelmente invejo quem simplesmente acredita, sem ter dúvidas. Mas, se você quer minha opinião, ter respeito é o que é realmente divino.
Tags: let's be serious for a moment
Subscribe

  • writing and all that jazz

    Naquele drama eterno do bloqueio criativo que só vai embora em semanas de provas ou quando o estágio não dá uma folga nem…

  • feliz dia do homem?

    Ontem eu descobri que existe o dia do homem. Minha primeira reação? Ah, os dias para celebrar quem nunca sofreu preconceitos.…

  • aquele da importação dos médicos

    Nas últimas semanas eu já discuti sobre esse assunto uma dúzia de vezes - o que foi ótimo, porque eu fui juntando uma…

  • Post a new comment

    Error

    Anonymous comments are disabled in this journal

    default userpic

    Your IP address will be recorded 

  • 4 comments